Morsas para Cassetes e Blocos

Para permitir a análise dos tecidos ao microscópio de luz, eles devem ser seccionados em fatias bem finas e uniformes. A espessura ideal varia de acordo com o objetivo de estudo; recomenda-se a espessura de 4 a 6 μm na rotina dos laboratórios.
 Voltar para: Linha Lupetec

Para permitir a análise dos tecidos ao microscópio de luz, eles devem ser seccionados em fatias bem finas e uniformes. A espessura ideal varia de acordo com o objetivo de estudo; recomenda-se a espessura de 4 a 6 μm na rotina dos laboratórios.


O instrumento capaz de confeccionar cortes com tal precisão é o micrótomo, sendo constituído por três partes: corpo, porta-bloco e porta-objeto. Considera-se, ainda, que em alguns modelos possua duas manivelas, uma manivela de ajuste e outra de corte.


Micrótomo Rotativo de Parafina ou modelo Minot: são instrumentos pequenos e mais utilizados para microscopia de luz para tecidos incluídos e parafina. Conhecidos como Micrótomo de Parafina, Micrótomo Manual, Micrótomo Rotativo ou Micrótomo para Histologia.


Produto 100% Nacional


Morsa para Blocos: permite a fixação de amostras grandes incluídas em blocos com tamanho máximo até 40MM x 50MM.


Morsa para Cassetes: permite a fixação de amostras incluídas em cassetes plásticos com tamanho máximo de 42MM x 29MM.


Ambos modelos acompanham um suporte de engate rápido para Micrótomo Lupetec MRP2015 e parafusos para Micrótomo Lupetec MRP2016SA.


Características Técnicas


Faixa de Temperatura: + 10ºC à + 40ºC


Morsa para Cassetes Plásticos
Largura: 50 mm
Altura: 105 mm
Profundidade: 29 mm
Peso: 0,2 kg


Morsa para Blocos
Largura: 48 mm
Altura: 82 mm
Profundidade: 26 mm
Peso: 0,2 kg


Garantia


12 meses contra defeitos de Fabricação posto Fabrica.
As despesas de Frete serão pagas pelo Comprador.